Alimentos para curar a ressaca

Alimentos para curar a ressaca

Com o final do ano chegando, muitas pessoas acabam abusando um pouco mais da bebida, seja nos feriados ou nas datas festivas. O maior prejudicado nestas horas é o nosso fígado, além do intestino e do estômago, que, sobrecarregados e intoxicados, passam a funcionar de forma mais lenta. E agora, o que fazer na ressaca?

Normalmente acordamos e já colocamos aquela aspirina para dentro, certo? E o pior: muitas vezes de barriga ainda vazia, o que prejudica mais ainda nosso estômago. Mas saiba que não precisa ser assim.

Existem alimentos que ajudam no processo de detoxficação no fígado dessas toxinas que desempenham um papel fundamental nesta partida contra o mal-estar. Vamos conhecê-los!

O que evitar na ressaca

Primeiramente, é necessário evitar as comidas gordurosas e industrializadas cheias de sódio (irão piorar o processo de desidratação), pois irão sofrer uma variação de tempo maior para serem digeridas durante a ressaca. Cafézinho para acordar, também nem pensar; isso porque, apesar de parecer que ajuda no ressaca o café colabora com a desidratação, e pode aumentar ainda mais os sintomas como dor de cabeça ou “cabeça pesada”.

Xô ressaca…

Não precisamos dizer que a água é um dos melhores aliados nesse embate, pois durante o processo da ressaca a desidratação é um dos principais motivos que ocasionam aqueles sintomas que a gente detesta.

Já notou que você sempre quando está de ressaca acorda com muita sede? A desidratação é a pedra no sapato responsável pela forte dor de cabeça que estará atrapalhando o desenrolar do seu dia. Opte, neste caso, além da água também pela água de coco natural. Ela é uma ótima alternativa para trazer de volta os sais minerais como sódio e potássio.

Alimentos brássicos…

Estes tipos de alimentos são ricos em vitaminas do complexo B. Estão neste grupo a couve-flor, a couve, a mostarda e o brócolis. Eles irão auxiliar também na regulação do seu fígado (detoxificação) e ajudará a reorganizar seu metabolismo.

É aconselhável que se consuma esses alimentos mesmo fora da ressaca. Mas, se for pra curar a ressaca, duas porções destes alimentos por dia já irá te ajudar a sair da zona de desespero. Pode-se adicionar esses vegetais a um suco com água ou água de coco que será ótimo para reidratar o corpo.

Chás e sucos…

Como ainda estamos falando de desidratação, os líquidos, especificamente os chás claros e os sucos são fundamentais para a eliminação das toxinas. Os mais indicados para ressaca são os sucos de uma fruta com um vegetal, como exemplo maça com couve e gengibre ou limão com aipo e cenoura, e os chás de hortelã, erva cidreira e gengibre são ótimos para melhorar o enjoo e náuseas.

Refeições…

Ninguém aqui disse que estar de ressaca é estar sem fome, não é mesmo? Mas precisamos ficar atentos com o que iremos comer durante a ressaca, para que o mal estar não seja mais agravado com o que estaremos ingerindo ao longo das refeições durante o dia. Por isso, priorize alimentos leves, como frutas, carnes grelhadas e magras (peixes, frango ou ovos), muitos vegetais e saladas crua.

Uma sopa de legumes com folhas verde escuras, por exemplo, é uma ótima pedida, pois a concentração de fibras existentes nestes alimentos é tudo o que seu corpo precisa para colocar a flora intestinal em dia, além de ótima fonte de vitaminas e minerais que ajudam o fígado a reestabelecer e eliminar as toxinas.

Alimentos para abusar na ressaca…

De preferência para alimentos que levam potássio e vitaminas do complexo B e fitoquímicos. O potássio é reduzido em nosso organismo durante o “porre”, porque sofrem com o efeito diurético do álcool, perde muita na urina.

Uma boa dica é o consumo do espinafre, das bananas e do Kiwi, além dos cereais integrais como aveia e quinua. As fontes de complexo B já ditas como as brássicas e os fitoquímicos vindos dos chás e dos temperos naturais são essenciais para reciclagem do fígado e do corpo.

Mas afinal: estou com fome!

Tudo bem! Como se não bastasse a vontade de beber além da conta, parece que você é daqueles que precisa comer bem pra ficar de pé, correto? Então, neste caso, podemos indicar o consumo de frango com uma boa massa integral/massa de arroz, junto com vegetais.

Isso porque estes dois alimentos vão propiciar que seu organismo absorva glicose e proteína, a glicose é importante para reestabelecer a hipoglicemia que o álcool acarreta, e a proteína fornece um aminoácido chamada cisteína, que faz bem ao fígado.

Agora, se você quer algo mais leve as sopas são ótimas mas a sopa japonesa o missô fermentado vão ajudar muito na digestão enquanto seu corpo está sobrecarregado e na hidratação, só atenção a quantidade de sal.

Medidas simples…

Ok, já sei que você gastou todo dinheiro ontem na bebedeira. E não precisa me contar que você mora sozinho, aquela zona, e que não vai ter como fazer algo melhor. Então, neste caso, não tem desculpa; o mínimo que esperamos de você para curar essa ressaca é que consuma, pelo menos muita água, e não refrigerante (piora a desidratação) se adicionar limão melhora mais ainda o processo de eliminação das toxinas, frutas diversificadas, água de coco, pode pedir um suco verde e uma comidinha como um peixe com aipim ou batata baroa ou arroz integral e muitos vegetais. Para repor tudo que já conversamos, e se não quiser pedir faça um omelete bem colorido e coma uma fruta com aveia, além dos líquidos.

O mais importante é previnir que a ressaca aconteça então, no momento que consumir bebida alcoólica sempre utilize água associada e nunca beba de “barriga vazia”.

Sobre Fernanda Mululo

Nutricionista clínica pós-graduada em nutrição funcional e fitoterapia. Atua no atendimento exclusivo e individualizado a pacientes com diversas necessidades e objetivos. Desde de sua formação trabalha com mulheres portadoras de endometriose e em pré e pós operatório de cirurgias diversas. Nutricionista Staff do Hospital Universitário Pedro (HUPE/UERJ) na área materno infantil, trabalha também em parceria com clínica de estética e com equipe de gastroenterologista no tratamento de pacientes com Doença Inflamatória Intestinal. Dedica total atenção aos pacientes, permitindo a troca de experiências para o avanço no tratamento ou na mudança do estilo de vida.
CRN 11100927 www.fernandamululo.com.br

Compartilhe !